“Fiéis” de type design, lettering e caligrafia se reúnem no Santa Tipografia. Saiba como foi

No dia 21 de outubro de 2017, cerca de 90 pessoas se reuniram em Florianópolis para falar sobre tipografia nas suas mais variadas vertentes. Entre participantes, organizadores e palestrantes estavam professores, alunos e profissionais de todas as formações e idades, empolgados em compartilhar informações, experiências e ideias.

final

Palestrantes e organizadores do Santa Tipografia

O início

O Santa Tipografia — Encontro Tipográfico Catarinense , surgiu por iniciativa de um grupo de entusiastas pelo assunto que passou a se reunir no Café com Serifa. Conversas informais se transformaram em grupo nas redes sociais e, algumas reuniões presenciais depois, estava definida a equipe que levaria o Santa Tipografia adiante:

  • Bruna Bertolazi Maritan, Ivan Jerônimo, Maíra Woloszyn e Mary Meürer (UFSC)
  • Juliana Shiraiwa e Genilda Araújo (Faculdade Energia)
  • Melissa Haag (Univali)
  • Conceição Alves (Allvus)

Foi essa equipe organizadora a responsável por contatar palestrantes, empresas apoiadoras, local para o evento, além de desenvolver a  identidade visual e as estratégias de divulgação. A Allvus ficou encarregada de todo o processo de gerenciamento das inscrições e da contabilidade do evento e do workshop.

Preparação

Todo o material gráfico é criação da designer e professora Juliana Shiraiwa, com o apoio de Mary Meürer e Ivan Jerônimo. As famílias tipográficas, Kareemah e Buozzi, foram gentilmente cedidas pela Sea Types, do palestrante Jefferson Cortinove. O material foi todo impresso na Imprensa Universitária da UFSC pelas mãos do tipógrafo Mauro Coelho e combinou offset, impressão tipográfica e digital.

A produção do material gráfico foi registrada por Ivan Jerônimo e também por Wam Ornelas do Estúdio Fotográfico Univali. As imagens resultaram em um vídeo muito interessante no qual é possível acompanhar o processo de impressão tipográfica das peças.


Além do material impresso, a identidade do evento também se desdobrou em um
site, desenvolvido pela designer e professora Genilda Araújo, e nas redes sociais, gerenciadas pela aluna Bruna Bertolazi e pela professora Melissa Haag.

Para o local de realização o evento contou com o apoio da Faculdade Energia que ofereceu seu auditório e espaço para a feira de impressos, no centro da cidade. A Univali cedeu o espaço para a realização do workshop que aconteceu no dia anterior, com o Criatipos, de Curitiba.

Dia de palestras

Estrutura organizada, hora de definir os palestrantes e a programação. O Santa Tipografia contou com uma programação rica e diversificada. Na parte da manhã, aconteceram as palestras voltadas ao type design, tendo como convidados Jefferson Cortinove, que falou sobre o projeto da fonte tipográfica baseada na letra do pintor Juarez Machado, de Joinville, feita por encomenda para o Instituto de mesmo nome. Em seguida Henrique Beier, da Harbor Type de Porto Alegre,  falou sobre o processo, as curiosidades e as dificuldades de desenhar fontes.

palestrante Jefferson Cortinove

Jefferson Cortinove | Florianópolis

 

palestrante Henrique Beier

Henrique Beier da Harbor Type | Porto Alegre


A tarde iniciou com uma homenagem ao tipógrafo Cleber Teixeira e sua editora Noa Noa. Maria Elizabeth de Quadros Pereira Rego, viúva de Cléber, recebeu a homenagem: uma peça gráfica desenvolvida pelos tipógrafos
Carlos Righi e Mauro Coelho, totalmente impressa com tipos móveis e clichês.

homenagem_cleber1

Maria Elizabeth recebe a peça gráfica feita em homenagem a Cleber Teixeira.

 

mauro_righi

Mauro Coelho e Carlos Righi, produtores da peça gráfica em homenagem a Cleber

Esta peça fez parte do kit dos participantes, que contou ainda com outros materiais oferecidos pela Oficina Tipográfica Papel do Mato, Pintores de Letras, Prof. Carlos Righi, Harbor Type, Plutão Prints, Criatipos, Books&Beers, HSP e as integrantes da organização do evento, Genilda Araújo e Maíra Woloszyn.  Além disso, ao longo do evento, foram sorteados kits de desenho oferecidos pela HSP e cartazes doados por Criatipos e Harbor Type.

Após a homenagem, aconteceu a mesa redonda sobre impressão tipográfica contemporânea, onde Cristiano Moreira e Jakson Chiappa, da Oficina Tipográfica Papel do Mato, e Aleph Ozuas da Corrupiola Experiências Manuais, compartilharam suas experiências num bate-papo conduzido por Juliana Shiraiwa.

mesa_redonda

Cristiano Moreira, Jakson Chiappa, Aleph Ozuas e Juliana Shiraiwa na mesa redonda sobre impressão tipográfica contemporânea | Rodeio e Florianópolis

Tipos populares

A tipografia vernacular foi o assunto seguinte na palestra de Rafael Hoffman e Nicole de Castro. Eles vieram de Criciúma para contar sobre o projeto Pintores de Letras, que busca fortalecer a memória gráfica catarinense ao documentar o trabalho de letristas populares da região.

Captura de Tela 2017-11-30 às 14.35.22.png

Rafael Hoffman e Nicole Castro do Pintores de Letras | Criciúma

Em seguida todos foram convidados para participar do coffee break oferecido pelo evento e também visitar a feira gráfica, da qual participaram Cyla Costa e Jackson Alves (Criatipos), Corrupiola e Plutão Prints.

O encerramento do Santa Tipografia ficou por conta do Criatipos, coletivo curitibano do qual fazem parte Cristina Pagnoncelli, Cyla Costa, Eduilson Coan e Jackson Alves. O grupo compartilhou com a plateia suas experiências com o resgate de processos handmade em projetos tipográficos inusitados.

palestra_criatipos

Cyla Costa, Cris Pagnoncelli, Jackson Alves e Eduilson Coan do Criatipos | Curitiba

Todos os palestrantes foram presenteados com um livro de Gertrude Stein, impresso por Cleber Teixeira na Editora Noa Noa. Obras raras, oferecidas gentilmente por Maria Elizabeth.

Os melhores momentos do Santa Tipografia foram registrados por Ivan Jerônimo e Wan Ornelas resultando no vídeo abaixo que conta ainda com vinhetas produzidas pelo aluno de Design da UFSC, João Pedro Fernandes Borges.

Apoio e repercussão

E foi assim, com gentilezas, parcerias e muita dedicação, que o Santa Tipografia foi realizado. As instituições envolvidas com a organização, Allvus, Faculdade Energia, UFSC e Univali, contribuíram com infra-estrutura e equipe. As empresas apoiadoras Books&Beers, Faferia DNA de Arte, Editora Noa Noa e Sea Types ofereceram descontos, produtos ou apoio na divulgação do evento. E a HSP contribuiu com patrocínio ajudando a viabilizar financeiramente o evento.

Captura de Tela 2017-12-01 às 21.44.07

O Santa Tipografia ainda rendeu matérias em vários veículos do Estado:

Desdobramentos

Não há previsão de quando acontecerá o próximo Santa Tipografia, mas o encontro agradou aos participantes e muitos aguardam mais eventos sobre tipografia na região.

Para acompanhar o que acontece no cenário tipográfico de Santa Catarina participe das próximas edições do Café com Serifa e também inscreva-se no grupo Santa Tipografia no Facebook.

Ficaremos acompanhando para saber o que mais vem por aí!


Agradecimento à equipe organizadora do Santa Tipografia que colaborou com a redação deste post.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s